Home Música Noticias Literatura Contatto Serviços Pagina 8 Livros Outros...
Cronica e arte

CRONICA E ARTE  CNPJ nº 21.896.431/0001-58 NIRE: 35-8-1391912-5 email cronicaearte@cronicaearte.com Rua São João, 869,  14882-010, Bairro Aparecida Jaboticabal SP
BRIGA DE FAMÍLIA VIRA FUZUÊ EM IBITINGA: QUATRO FERIDOS. Mentore Conti Mtb 0080415 SP // foto Crônica e Arte Jaboticabal, 12 de novembro de 2018 Ibitinga sábado à noite. O que era só uma briga de família acabou em fuzuê entre os moradores da vila dos bancários naquela cidade, a 92 quilômetros de Jaboticabal. Ibitinga uma cidade de 53 mil habitantes, aproximadamente. Noite de sábado dia 10.... Uma mulher 24 anos de idade pede socorro para Polícia Militar. Ela estava sendo agredida pelo seu companheiro, pelo seu companheiro de 38 anos. Não contente de agredir a mulher, o suspeito, o companheiro da vítima estava com um facão em punho, ...brigando com o cunhado. O cunhado, 30 anos, para evitar aproximação do agressor arremessava tijolos, contra o companheiro da mulher agredida. Quando a polícia chega vê uma cena no mínimo bizarra: a mulher ensanguentada e próximo do seu companheiro com ou facão, o cunhado do agressor com os tijolos na mão. A polícia chega ordena que os dois larguem os objetos, ordena que os dois se desarmem. Imediatamente o companheiro da vítima larga o facão, ...mas o seu cunhado tento acertar os tijolos nele e tenta acertar também o policial. Ele só parou quando recebeu um balaço com uma bala de borracha disparada por um dos policiais da equipe. Os policiais então se aproximam dele para prendê-lo e começa uma confusão generalizada, um fuzuê!!!. A rua estava coalhada de vizinhos curiosos que tentaram impedir a prisão deste agressor e se dizendo revoltados arremessavam um pedras nos policiais. Eles, não tinham nada com a confusão... mas como em muitos casos, deixaram seus afazeres, a janta na mesa... deixaram o sossego de suas casas e entraram no fuzuê. A polícia então intervém com tiros de bala de borracha e duas granadas de gás lacrimogêneo!!!. Com homem de 63 anos e outra de 32 acabaram atingidos e os quatro feridos foram levados para Unidade de Pronto-Atendimento UPA e depois foram liberados. O companheiro da mulher, da mulher que tinha chamado a polícia, foi autuado por crime de violência doméstica.