Home Música Noticias Literatura Contatto Serviços Pagina 8 Livros Outros...
Cronica e arte

CRONICA E ARTE  CNPJ nº 21.896.431/0001-58 NIRE: 35-8-1391912-5 email cronicaearte@cronicaearte.com Rua São João, 869,  14882-010, Bairro Aparecida Jaboticabal SP
VEREADOR DE JABOTICABAL QUE É MUNICÍPIO DE INTERESSE TURÍSTICO PEDE REFORMA OU DEMOLIÇÃO DE PRÉDIO HISTÓRICO NA CIDADE. Mentore Conti Mtb 0080415 SP // foto Crônica e Arte // mapio.net Jaboticabal, 29 de maio de 2019 O prédio do terceiro grupo de Jaboticabal, antiga escola “Grupo Escolar Bento Vieira” foi objeto de um pedido de estudos que inclui inclusive a possibilidade de demolição do edifício. O pedido foi protocolizado no último dia 24 de Abril, mesma data em que foi redigido, pelo Vereador Ednei Valencio (PR) e segundo o documento a indicação é necessária porque, o imóvel abriga animais peçonhentos e ratos, além de animais indesejáveis com risco de contaminação das pessoas que trabalham e frequentam nas redondezas. No pedido se alega ainda que o risco aumenta devido a ter uma escola na vizinhança. O prédio que foi um anexo do Ginásio São Luís, atual Escola Estadual Aurélio Arrobas Martins, construído na época em que a escola estadual era da família de Aurélio Arrobas Martins e Antônio Arrobas Martins, e foi construído para ser escola primária (como era chamada a escola do 1º ao quarto ano da escola fundamental de hoje) O prédio que inicialmente era denominado Grupo Escolar Aurélio Arrobas Martins, passou a ter na metade da década de 40, do século XX, o nome de um dos prefeitos da Cidade e foi denominado como Grupo Escolar Bento Vieira.  Depois de servir para algumas secretaria e inclusive alistamento militar e Secretaria do Trabalho, o prédio está em total abandono, apesar de ser de propriedade da Prefeitura Municipal e, segundo algumas fontes da Câmara Municipal. O prédio foi o terceiro grupo escolar do município e portanto ainda que não esteja listado com o patrimônio histórico, é um prédio que guarda as características dos anos 1920 e 1930 em sua arquitetura e é um dos marcos históricos na cidade.  A cidade recentemente foi incluída na lei de municípios de interesse turístico, com isso deverá receber uma verba de r$ 600 mil por ano, como matéria já publicado neste site. O interesse turístico, no qual Jaboticabal foi inserido, abrange a existência e preservação de prédios históricos. A cidade há muitos anos é conhecida também como Athenas Paulista, simbolizando o apreço que tem pela cultura. Procurado pelo site Crônica e Arte, o Vereador Ednei Valencio (PR), disse que fez o pedido para que a prefeitura faça um estudo de limpeza e reforma. Segundo Ednei Valencio, o pedido foi realizado pelo estado de abandono em que o prédio está, como foi alertado e foi constatar. Questionado sobre o pedido de demolição que ele incluiu no pedido, Valencio disse, que se no estudo indicar que não é possível reformar, devido aos custos, vai ter que acabar demolindo por causa do risco que o prédio oferece nas condições em que está. Valencio reconhece na entrevista que o prédio é histórico, mas que se não tiver outro jeito tem que acabar demolindo. O site Crônica e Arte entrou em contado com a prefeitura do município e a assessoria de imprensa informou que já existe um projeto para reforma do prédio. Segundo a Assessoria de imprensa, o projeto já existia antes do pedido do vereador e o prefeito José Carlos Hori (PPS), está trabalhando com contatos em São Paulo e Brasília para obter a verba necessária para a reforma.
o pedido: