Home Música Noticias Literatura Contatto Serviços Pagina 8 Livros Outros...
Cronica e arte

CRONICA E ARTE  CNPJ nº 21.896.431/0001-58 NIRE: 35-8-1391912-5 email cronicaearte@cronicaearte.com Rua São João 869,  14882-010 Jaboticabal SP
A ESPERA DE UM GOL DE PLACA Saudade do tempo em que a escalação do time de futebol era mais conhecida que a formação dos onze integrantes do atual STF. Não raro em nossas brincadeiras de criança, narrava-se nas peladas de futebol ou nos jogos de botão a maior emoção de uma partida, o gol. E as vezes era o “gol de placa”. Na atualidade está difícil narrar uma boa jogada ou o gol de placa em todos os sentidos, principalmente na politica do Brasil. Fazemos parte da luta constante contra uma doença que assola não somente o Brasil mas o mundo. Somos bombardeados diariamente por noticiais desencontradas a todo momento. Um órgão OMS (Organização Mundial de Saúde) que deveria orientar o mundo, desorienta. A imprensa dividida entre o bem e o mal propaga de acordo com seus interesses distorções dos fatos causando somente confusão, alimentando ódios e dissenções entre os poderes plenamente constituídos e entre o povo.   Vimos ultimamente acusações recíprocas dos chefes dos poderes que governam o país, sobre dubiedades, leviandades e negligência. Ora, se cada um cuidasse do “seu quadrado” haveria mais harmonia e o povo sofreria menos. Todos estão preocupados com suas vaidades e orgulhos que se esquecem do principal, o bem estar financeiro, social e a saúde do povo brasileiro. Vive-se neste embate de poderes, a perfeita ordem do superlativo e egocentrismo da máxima “O meu é melhor” quando se deveria tratar a orquestração dos poderes para o bem comum os interesses públicos. A ingerência do STF na governança pelo princípio Neoconstitucional por parte dos Ministros do STF tem demonstrado a deformidade que o próprio STF deveria defender. É patente desrespeito a normas estabelecidas em “Cláusulas Pétreas” que exigem, para sua mudança, um longo processo de discussão e aprovação pelo Congresso Nacional. O STF não pode Legislar. Sua função é defender a Constituição Federal e não deixar nada e ninguém ofender a Carta Magna. O que se tem visto não é a defesa da Constituição, mas interpretações absurdas por parte dos Ministros que ao final se tornam verdades absolutas ao arrepio do que foi declarado pela Vontade do Povo na CF88. Nunca se viu em tão pouco tempo a jurisprudência do STF mudar de rumo, e o que anteriormente perpetuava por longos anos com a sedimentação e entendimento não é mais visto como segurança jurídica. Os atos de Governadores de Estado e Prefeitos nos levam a concluir a ocorrência de mais do mesmo. Não é preciso ter a visão da Mãe Dinah para prever as falcatruas e roubalheiras dos “arautos da verdade” que engrossam cada vez mais as fileiras dos que se intitulam ser “a alma mais pura do planeta”. Resta a resposta do que esperamos para o futuro.  Esperamos por dias melhores de respeito com a coisa pública, de igualdade em todos os sentidos, dias em que teremos orgulho de nossos Governantes e Juízes para comemorarmos um “gol de Placa” e de lembrar a escalação não dos onze ministros do STF mas de nosso time do coração. *Dr João Martins Neto é Advogado em Jaboticabal SP
Dr João Martins Neto
fotos: arqyuivo do autor e internet divulgação (Fotos Mnistros do STF foto do gol de Placa de Pelé e foto da placa do gol placa do pele - gol contra o Fluminense
Home Música Noticias Literatura Contatto Serviços Pagina 8 Livros Outros...
Cronica e arte