Home Música Noticias Literatura Contatto Serviços Pagina 8 Livros Outros...
Cronica e arte

CRONICA E ARTE  CNPJ nº 21.896.431/0001-58 NIRE: 35-8-1391912-5 email cronicaearte@cronicaearte.com Rua São João 869,  14882-010 Jaboticabal SP
A NECESSIDADE DE LIBERAR A POSSE E O PORTE DE ARMAS Um artigo de Mentore Conti Mtb 0080415 SP // foto Crônica e Arte Jaboticabal, 17 de janeiro de 2019 Nesses dois últimos dias, muito está se discutindo sobre o decreto do novo governo eleito, que modifica o direito do brasileiro possuir uma arma em sua residência. Depois de mais de 15 anos onde os governos brasileiros, ignorando o referendum de 2005, tinham criado a proibição total, ou praticamente total da posse de arma, o brasileiro, agora, passa a adquirir o direito de ter uma arma em casa. É mais que evidente que a posse de uma arma de fogo ou o direito de porte (ainda não regulamentado) não influi em nada na questão do aumento da violência. Para ver que isso é verdade, basta analisar o período dos governos anteriores que proibiram praticamente de modo irrestrito a posse e o porte de arma de fogo. Neste período, com a posse e o porte de arma proibidos, os índices de homicídios por armas de fogo subiram de maneira assustadora. O que inibe a violência em uma pessoa é a sua formação pessoal, moral e também a sua educação como um todo. A educação por si só, sem a formação moral e pessoal, sem a formação familiar, não faz do homem, alguém que deixa de cometer um crime. Tanto que muitos traficantes, estelionatários e mesmo assassinos, têm estudo, têm graduação e nem por isso deixam de ser criminosos. Na realidade quem quer o controle de armas, são os partidos de centro-esquerda e de esquerda, pois, grupos, ligados e dentro destes partidos, na ânsia de chegar ao poder e não ter oposição que os retire de lá, pensa em desarmar a população para que em caso de revolta, contra o poder exercido pelo socialismo ou comunismo, a população não tenha armas para resistir ao governo. Independentemente de qualquer questão citada acima, a posse de arma não aumentará a violência, podendo até mesmo reduzir o número de assaltos, ou outros crimes, uma vez que o criminoso não tendo certeza se uma pessoa tem ou não a arma, pensará duas vezes ao invadir uma casa, ou em atacar alguém. Mas não é só isso, com a permissão de posse de arma, cada arma que aparecer, terá o endereço e um CPF ligado a ela e o seu proprietário terá que responder por tudo que acontecer com o uso desta arma. Como vimos no próprio decreto não haverá uma venda indiscriminada e os requisitos necessários para a posse de uma arma, são suficientes para não entregar a arma na mão de qualquer um. Muitos poderão insistir que a posse da arma sendo legalizada aumentaria ainda mais os homicídios. Primeiramente vamos lembrar que um homicídio se comete até mesmo com a palavra. Se uma pessoa conversando com um depressivo, induz ele a se matar, apesar do crime de chamar indução ao suicídio, não deixa de ser um crime que tira a vida de outrem e é um crime. Além disto, o homicídio pode ser cometido a pedradas, pauladas a facadas, com atropelamento, etc. A posse da arma legalizada apenas ajudará a pessoa que tem essa arma a ter uma chance a mais de defesa e dependendo do caso, aumentará sua possibilidade de sobrevida se for assaltado. Claro que na tentativa de manter grupos armados como sem- terra e a população desarmada, muitos adeptos de uma futura revolução, de cunho socialista, insistirá e gritará muito, mas jamais vai confessar que a ideia que eles têm é a de manter o povo refém de grupo de esquerda armado. Por mais que grite, pelo que acabei de escrever, não podemos esquecer que a manutenção de camponeses armados foi organizada por Mao Tsé-Tung, que com estes grupos fez a revolução comunista na china nos anos 40. Por esses e outros aspectos é mais do que necessário e urgente regulamentar e permitir a posse e o porte de armas. Os brasileiros são maduros o suficiente para saber ter uma arma de fogo, apesar de toda a falta de confiança na capacidade do povo, que os governos, de FHC até agora 2018, pareciam ter.
Home Música Noticias Literatura Contatto Serviços Pagina 8 Livros Outros...
Cronica e arte